Oliveira do Bairro: Cidade e Futuro

Reflexões sobre o "estado da nação e da arte" oliveirenses

quarta-feira, setembro 15, 2004

F[ogu]EIRA DAS VAIDADES [1]



...


...


Para os utilizadores dos edifícios do outro lado da rua...


...o sol "põe-se 5 minutos depois de ter nascido"!


Circulam por cá dois rumores aparentemente contraditórios:

Primeiro: a
escola de condução de Oliveira do Bairro vai ministrar um curso de especialização para condutores residentes neste edifício... O objectivo é promover a excelência das manobras de entrada e saída da garagem e prevenir a sinistralidade que se adivinha...

Segundo: a oficina de transformação de automóveis de Oiã (sim, a que converte qualquer automóvel num belo descapotável) vai sediar-se neste local... Consta que não necessitará de quaisquer técnicos... Carro que entre sairá sem tejadilho...



Estou curioso! Vai a câmara municipal impôr que os edifícios "castanhos" se tornem "brancos"? Ou vice-versa? E se se decidir que os "brancos" se devem tornar "castanhos"?
É que não imagino como poderão os pintores reproduzir os tons bolorentos que encimam os últimos...



O empresário responsável pelos Móveis Diferente, numa insólita operação de marketing que chamava a si a atenção geral, bem tentou fazer pior... Querer quis... Mas não conseguiu!